terça-feira, outubro 23, 2007

“Se fosse em Moçambique eu dizia-lhe como era”

No tempo em que na Comunicação Social portuguesa se fazia Jornalismo (dizem-me que, hoje, ainda há alguns exemplos dessa quase histórica actividade) tive a oportunidade de entrevistar Joaquim Chissano, então presidente de Moçambique, e Armando Guebuza, na altura secretário-geral da FRELIMO.

Do que a memória registou, ficou-me de Chissano a imagem de um estadista de nível mundial, tão capaz de dialogar com o arrumador de carros como com o secretário-geral da ONU. Era o homem certo no lugar certo, na circunstância a Presidência de Moçambique.

Quanto a Guebuza não ficou a imagem mas, isso sim, a certeza de um político arrogante, sem grande preparação intelectual e que tinha orgulho em demonstrar que a razão da força era a solução para todos os problemas.

A entrevista a Guebuza até nem correu bem porque, provavelmente ao contrário do que estaria habituado, não aceitei fazer as perguntas que um dos seus muitos assessores tinha preparado.

«Assim não dou a entrevista», disse-me Guebuza, acrescentando: «Eu é que sei o que é importante perguntar».

Perante a minha recusa, Guebuza acabou por aceitar responder ao que eu quis perguntar, deixando no fim um recado: “Se fosse em Moçambique eu dizia-lhe como era”.

Diria, com certeza. Diria, não diria Carlos Cardoso?

4 comentários:

ELCAlmeida disse...

Qundo se tem muito dinheiro e em anexo PODER...
Penso que está tudo dito!
Kandandu
EA

Leonardo Vieira disse...

Meu caro!
Sou Moçambicano, e como tal estou preocupado com estas afirmações!
Quero acreditar que o que dizes é verídico.
E assim sendo, quero, em nome das pessoas que, como eu se indignaram pedir-te as mais sinceras desculpas!!!

Nem sei que mais escrever...de vergonha!!

LV

Ma_Fur_Ra disse...

Caro Orlando, diga-me que este post
não passa de uma brincadeira, de ficção.

Porque se não for, então, como
moçambicano sinto-me envergonhado
pelas palavras do presidente do meu país.

Irei publicar o seu post no blog
de que faço parte.

www.grossocurto.blogspot.com

Com os maiores cumprimentos.

Xsena Podzo disse...

Srs Moçambicanos que nada sabem acerca da personalidade do Sr.Armando Guebuza, em que País vivem?
Onde estão?
As desculpas não se pedem.
Evitam-se.
Para isso basta estar acordado, ou não pactuar.

Xsena Podzo