domingo, outubro 11, 2009

A lei do tiro... em Portugal

O marido da Presidente da Junta de Freguesia de Ermelo, Mondim de Basto (Portugal), foi hoje morto a tiro junto à assembleia de voto pelo candidato adversário, do PS, disse o Governandor Civil de Vila Real, Alexandre Chaves.

“Houve troca de tiros entre o candidato do PS e o marido da senhora presidente e candidata do PSD ao mesmo cargo e há um que cai. O candidato do PS é que vitimou o marido da presidente”, disse Alexandre Chaves. De acordo com fonte policial do Comando da GNR de Vila Real, o homem tinha 57 anos e foi morto por “questões políticas”.

O homícidio ocorreu pouco depois das 07h00 quando a vítima se encontrava a ajudar nos preparativos junto à mesa de voto de Fervença.

Se a moda pega...

1 comentário:

Fada do bosque disse...

Orlando, ao que isto chegou!... ainda dizem, que vivemos num País desenvolvido? Já se matam por ideologias ou cargos políticos?!