terça-feira, outubro 13, 2009

Nanismo intelectual e ébrios delírios

A, entre outras coisas, actriz brasileira Maitê Proença filmou, em Portugal, um vídeo a ridicularizar os portugueses e onde mostra as razões porque gosta de andar descalça (para contar até 12 tem de utilizar os dedos dos pés).

O “clip”, de 2007, termina com a actriz a cuspir numa fonte, o que só por si é revelador da nanismo intelectual e dos ébrios delírios da decrépita Maitê Proença.

O vídeo, com cerca de quatro minutos, foi filmado em 2007, durante uma passagem da acriz por Portugal. Maitê Proença passou em Sintra “uma vilazinha perto de Lisboa”, no Mosteiro dos Jerónimos ou junto ao Padrão dos Descobrimentos, mandado erigir por Salazar, que segundo a actriz “esteve no poder cerca de 20 anos”.

O vídeo foi exibido no programa “Saia Justa”, no canal GNT, e termina com as apresentadores, Maitê Proença incluída, a rir às gargalhadas, numa clara demonstração psicotrópica.

«Declarar Maite Proença Persona Non Grata a Portugal»

2 comentários:

Anónimo disse...

Infeliz é no minimo o que se pode dizer desta "fulana" e esquisita é ela. Pena que seja tão bem tratada quando vem a Portugal, já que somos tão idiotas assim. Talvez no futuro, deixe de aparecer por cá. Ela e os seus comentários burros.

Vanessa Silva
PORTUGUESA, SIM

Fada do bosque disse...

Isto é de bradar aos céus! Qual é o problema da fulaninha?! Algum português que a mandou passear, concerteza! Quando se fazem as coisas por despeito... só pode.
Aliás as coleguinhas da "saia curta" dão a sensação de serem imbecis... bonitas, mas completamente imbecis, como a actriz!