quarta-feira, agosto 12, 2009

Aí está um exemplo que deve agradar
a alguns ministros do reino lusitano!

Um juiz venezuelano pediu à Interpol para "deter e por à ordem do tribunal" a jornalista venezuelana Patrícia Poleo, radicada desde há quatro anos na cidade de Miami, EUA, acusada de difamar e injuriar um empresário.

Segundo a imprensa venezuelana, a solicitação foi feita pelo juiz Alí Paredez com base numa denúncia efectuada pelo empresário Ricardo Fernández.

O empresário teria sido referido pela jornalista, em 2008, como estando ligado ao caso de uma mala-de-mão com 800 mil dólares, confiscada pelas autoridades argentinas e que teria saído da estatal Petróleos de Venezuela (PDVSA), para financiar a campanha presidencial de Cristina Kirchner.

Patrícia Poleo é directora do jornal "El Nuevo País". Está refugiada nos EUA desde 2005, depois de ser acusada pelas autoridades venezuelana de ser a "autora intelectual" do assassínio do procurador Danilo Anderson (em 2004) cujo veículo foi carregado de explosivos em Caracas.

O procurador foi assassinado quando investigava as pessoas que estariam envolvidas nos acontecimentos de Abril de 2002, altura em que Hugo Chávez foi afastado temporariamente do poder.

Crítica do regime do Presidente Hugo Chávez e também da oposição venezuelana, a jornalista atribuiu a acusação de assassínio a uma tentativa de a silenciar.

A Venezuela tem-se queixado em várias ocasiões da falta de colaboração dos Estados Unidos para deportar Patrícia Poleo.

Por alguma razão, creio eu, existe uma forta amizade entre Chávez e alguns políticos lusos...

1 comentário:

Fada do bosque disse...

Claro que há... são iguais!
Ou não teremos cá dentro, todas as víboras em potência?!
Jornalismo?! Verdade?! Honra?! Transparência?!
O Master dos Mídia é português (só podia) e ai de quem publicar algo, que não seja enganoso...está feito! Vai parar ao INDEX... lista negra e nunca mais arranja profissão, à altura dos desígnios que são, a verdadeira informação. Também tal já não existe... agora apenas se trata, de usar os mídia para espalhar o medo e a mentira por toda a Europa!Bancos faliram?!
Há farmacêuticas, com um produto maravilhoso para eliminar população a mais e ao mesmo tempo desviar o dinheiro dos cidadãos, a rodos. É fácil...matam dois coelhos de uma cajadada só!
A isto se chama a verdadeira "competência"!